terça-feira, 19 de setembro de 2017

O PASSARINHO






Vi um passarinho morto,
Num beiral de um passeio.
Estava hirto, o passarinho,
Mas era verde, e algumas asas, poucas, amarelas.
Estava morto mas era bonito.
O que não é normal dizer quando se está morto.

Encontra-se de tudo nas ruas,
E os passarinhos são vistosos voando ou não,
Dependendo do apreço que temos pelo verde, as outras cores, e os sinais de vida verdadeira,
ou de morte obrigatória.



Sem comentários:

Enviar um comentário